sábado, 14 de fevereiro de 2009



"... uma arte consequente não pode dispensar a reflexão sobre seus fundamentos teóricos." [Iná Camargo Costa, em Atuação Crítica]

Depois de diversas reuniões enclausurados em um micro apartamento, eis que nossa última reunião foi feita num lugar bem mais amplo! Não, ainda não é a sede definitiva da companhia, mas eis que surge um namoro para um possível lugar. Lá em tão-tão distante... porém, bem mais verdejante! (Confira as fotos no link do Picasa à direita).

Com a novidade do lugar e também devido à distância (e, claro, termos nos perdido no caminho), acabamos tendo um atraso no início da reunião. Com o tempo já reduzido, optamos por não lermos os textos propostos na última reunião, como exposto na última postagem.

Colocamos em pauta a questão da otimização do nosso tempo. Conciliar o horário de sete pessoas, envolvidas em atividades diversas, é sempre por demais complicado. Mas também é deveras complicado termos apenas uma reunião semanal, uma vez que temos já algumas frentes de trabalho e pesquisa e projetos a serem desenvolvidos.

Como resolver tais questões? Chegamos à conclusão que o ideal é nos dividirmos em pequenas frentes de produção, que poderão se encontrar em horários compatíveis entre si. Cada frente estará encarregada de algum trabalho pré determinado na reunião anterior, com a Engrenagem completa. Mantemos o encontro semanal de todos, onde cada grupo passará aos outros o que foi desenvolvido durante a semana.

O encontro no CCBB dias 04 e 05/02 com a Cia do Latão foi muito importante para a Engrenagem. Assistimos, na quarta-feira, o experimento videocênico Entre o céu e a Terra. Experimento este baseado no conto A Cartomante, de Machado de Assis. Nesse mesmo dia, houve o lançamento do material pedagógico do projeto Companhia do Latão 10 anos:
  • Companhia do Latão 7 peças
  • Introdução ao Teatro Dialético
  • Atuação Crítica
Os livros Introdução ao Teatro Dialético e Atuação Crítica foram distribuídos gratuitamente. Importante material para a Engrenagem!

O Atuação Crítica contém entrevistas da Vintém, revista que é uma produção de caráter crítico que acompanha o desenvolvimento da pesquisa cênica da companhia.

Já o Introdução ao Teatro Dialético contém experimentos da Companhia do Latão. Segundo Iná Camargo Costa, a investigação cênica e literária desenvolvida pela Companhia do Latão é determinada por uma reflexão dialética aliada a um trabalho baseado na produção coletiva da dramaturgia. Desde sua origem, em 1997, o grupo trata de aspectos essenciais da nossa sociabilidade e da nossa herança cultural, com destaque evidente para o teatro, abordando as formas de dominação e exploração do país e do trabalho.

Já na quinta-feira, dia 05/02, houve a demonstração de trabalho com projeção do vídeo Brecht na Companhia do Latão, seguido de debate com a companhia e seu diretor, Sérgio de Carvalho. Esse debate foi bastante informal, mas muito informativo e rico no tocante ao compartilhamento das experiências e desenvolvimento, tanto cênica quanto grupal, do Latão. Discussões sobre o trabalho, capitalismo, Marxismo, Brecht e sua influência na companhia e sua dialética, produção teatral, processos e pesquisas.

Fica a grande pergunta, feita por Sérgio de Carvalho: Como fazer um teatro crítico, sem ser didático nem enfadonho, como criticar a sociedade capitalista sem ser sentimentalóide?

Eles têm conseguido.

Confira: http://www.companhiadolatao.com.br/

2 comentários:

Rodrigo disse...

o lugar tão-tão longe é maneiro, verdejante, quase a bandeira do Brasil. mas poderia ter menos mosquito. aliás, alguém sabe alguma pomada que resolva picadura de mosquito? se alguém disser que o remédio é uma periquitinha rosa, ganha um prêmio de falta de originalidade. hauahahuahuauhaa

Rodrigo disse...

periquitinha. não! pulguinha. hauauhauhaauauauaua